Ninguém deveria meter a colher…

Não importa o quão feliz você está, sempre vai ter alguém para dar um pitaco negativo, ou falar daquela filha da prima lá de Caldas Novas que foi deixada no altar, tadinha… Mas o que isso tem haver com a minha felicidade? NADA! Coisas ruins acontecem, com muitas pessoas, coisas bem piores que ser deixada no altar, ou de um divórcio, ou de ser tracado por outra pessoa! Temos que ter vontade de mudar, crescer, evoluir, recomeçar, sempre! E sabe o que eu faço com os conselhos que me dão sobre, não confiar na pessoa que está comigo, não contar tudo para ele, não emprestar dinheiro? Jogo todos eles no lixo, pois eu estou há 5 anos com quem amo, já tive brigas, fases ruins, mas tive muita coisa boa, memorável, gostosa de lembrar… E mesmo as ruins, me serviram de experiência, ensinamento… Estou nessa vida para viver, não para pisar em ovos, para viver intensamente, amar intensamente e ser feliz intensamente…

Estou trabalhando em um lugar onde as pessoas sentem pena das outras, porque acham que se essa pessoa tá feliz é porque tá iludida, ou porque é enganada, feita de boba… Olha, entre ser infeliz tendo a certeza do mundo, prefiro ser feita de boba mil vezes… Uma boba com história para contar, alegria de viver e motivos para comemorar!


Amar não é ter certeza, não é ter explicação, não é ter razão! Amar é dúvida, frio na barriga, tentar acertar no presente e eventualmente errar, é fazer uma comida horrível e ouvir que tá ótima, só por que a pessoa que te ama, reconhece o seu esforço, é não emprestar dinheiro e sim dar, quando se tá junto, não dá para separar… É tudo junto, quase a mesma coisa e isso não tem nada haver com ser eterno, mas eterno enquanto houver motivo para sorrir, alegria de viver, amor, paixão, carinho, cuidado e frio na barriga!

Então, enquanto você tem medo de ser feliz e tá tão preocupado comigo, se avexe não, eu não sou de vidro e se fosse, superbonder tá aí pra isso! Agora deixa eu ir ali ser feliz, por que o dia de amanhã a Deus pertence…

*Amor, por mais que digam, tentem, da gente, só a gente sabe. Te amo, mas não sei te dizer até quando, no amor não existe prazo de validade, né!  Mas agora, te amo muito e estou feliz assim, sem pressa, sem medo!